Pesquisar
Close this search box.

Baixe o App

Gatos idosos, como cuidar dessa particularidade?

Foto: canva.com

Quer saber como cuidar do seu gato idoso? Está no lugar certo.

Embora cada gato tenha suas particularidades, alguns cuidados são essenciais na fase sênior.

Neste post, você aprenderá sobre comportamento, alimentação, saúde, doenças comuns, rotina e outros cuidados importantes para gatos idosos.

Quando um gato é considerado idoso?

Gatos são considerados idosos a partir dos 7 anos, embora isso possa variar. Alguns mostram sinais de envelhecimento mais cedo, enquanto outros permanecem ativos por mais tempo. A idade avançada está mais ligada à saúde e condição física do que ao número de anos.

Comportamento de um gato idoso

Conforme os gatos envelhecem, seus comportamentos mudam devido à saúde, energia e bem-estar. Aqui estão alguns comportamentos comuns em gatos idosos:

  • Disposição e sono: Tendem a ter menos energia e podem dormir mais.
  • Interação: Alguns se tornam mais apegados, enquanto outros preferem ficar sozinhos.
  • Apetite e peso: Podem ter variações no apetite e peso, tornando importante mantê-los ativos e bem nutridos.
  • Saúde: Problemas como doenças renais, artrite, e perda de visão ou audição são comuns.
  • Higiene: Podem ter dificuldade em se limpar, resultando em pelagem opaca e com nós.
  • Cognitivo: Podem sofrer declínio cognitivo, mostrando confusão e desorientação.
  • Vocalização: Alguns podem miar mais, indicando desconforto ou dor.

Quantas horas um gato idoso dorme por dia?

Gatos idosos dormem de 18 a 20 horas por dia. A redução de energia com a idade é normal, mas um aumento excessivo no sono pode indicar problemas de saúde.

Melhorando a vida de um gato idoso

Para melhorar a qualidade de vida de um gato idoso, combine cuidados veterinários, adaptações no ambiente, alimentação e atenção às necessidades específicas de envelhecimento:

  • Visitas regulares ao veterinário: Cruciais para monitorar a saúde e identificar problemas precocemente.
  • Alimentação adequada: Forneça uma dieta balanceada, focando em rações formuladas para gatos idosos.
  • Conforto: Ofereça camas confortáveis e de fácil acesso. Use degraus ou rampas se necessário.
  • Atividade física: Incentive atividades leves para manter a mobilidade e peso saudável.
  • Caixa de areia: Use caixas de areia com lados mais baixos e de fácil acesso.
  • Higiene: Ajude na limpeza e escovação regular para evitar nós e bolas de pelo.
  • Ambiente tranquilo: Mantenha um ambiente doméstico calmo e estável.

Doenças comuns em gatos idosos

Gatos idosos são mais suscetíveis a várias doenças devido ao declínio do sistema imunológico, como:

  • Doença Renal Crônica
  • Diabetes Mellitus
  • Artrite
  • Problemas dentários
  • Câncer
  • Problemas de visão
  • Obesidade ou perda de peso
  • Problemas cognitivos

Manter exames veterinários regulares é essencial para monitorar e tratar precocemente qualquer problema.

Fonte: PetAnjo