Pesquisar
Close this search box.

Baixe o App

Idoso sim, doente não! Novas placas de idosos começam a ser instaladas

Chega de achar e espalhar por aí que todo idoso é torto! As placas de idosos antigas começaram a ser substituídas por novas, e positivas, no Distrito Federal. Acabou aquela imagem pejorativa de uma pessoa curvada e usando bengala, mesmo porque nem todo idoso é assim!

Agora as placas de estacionamentos, filas preferenciais, assentos e outros serviços terão a nova imagem de uma pessoa ereta, para mostrar que ser idoso significa ter experiência de vida e não apenas de dores e doenças.

Sim, é o politicamente correto entrando em vigor. A intenção da novidade é combater o preconceito e o chamado idatismo, a discriminação por idade. Nas novas placas, aparecem uma pessoa ereta e uma frase curta informando: + 60. Bem simples e direta! A substituição começou nesta quinta-feira (26/01) na capital federal.

Pela legislação, a prioridade para idosos vale na demarcação de vagas de estacionamentos, filas preferenciais, assentos e outros serviços. Em outubro de 2022, a Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou a alteração. Agora, a substituição é responsabilidade do governo de Brasília.

Pelo Estatuto do Idoso, é considerada pessoa idosa com idade igual ou superior a 60 anos. Entre os direitos garantidos, por exemplo, estão a gratuidade de medicamentos e transporte público, além de medidas que visam a proteger e dar prioridades às pessoas idosas.

#blinknews #blink102fm #campão #campograndems #radioblink #conteudoblink #blinkmultiplataforma #blinkplataforma360