Pesquisar
Close this search box.

Baixe o App

Imitador de Dilma admite ter mentido sobre assalto que resultou em agressão

O humorista Gustavo Mendes, 33, admitiu que se equivocou ao denunciar que havia sofrido uma tentativa de assalto. A Polícia Civil de MG apurou que ele teve um desentendimento e sofreu, na verdade, uma lesão corporal.

O imitador da ex presidente Dilma usou as redes sociais, na terça-feira (17), para esclarecer a situação.

“Venho aqui esclarecer para exatamente o que aconteceu: primeiro, eu preciso lembrar para vocês que eu tomei duas pedradas na cabeça bem fortes. Não aconteceu o pior, mas foram dadas para matar. E quando você leva uma pancada na cabeça, você não lembra direito o que aconteceu”, começou Mendes.

Ele contou que saiu de um bar, onde havia bebido, e não se lembrava de ter encontrado com uma mulher quando contou a primeira versão da história.

“Uma mulher me para às 4 horas da manhã e eu dou uma resposta ríspida pra ela. Estava com medo de madrugada na rua. Ela me pede dinheiro e eu tenho uma frase que eu sempre digo quando me pedem dinheiro ‘tenho, mas não vou’. Ela foi, falou para o marido dela que estava logo atrás e ele veio tirar satisfação comigo”, contou.

Com isso, ele disse que começou uma pequena discussão e o homem foi e pegou duas pedras “para acertar e matar”.

“Fato é que eu me equivoquei nessa denúncia, mas o ato em si está ali. Eu fui vítima dessa agressão, sofri uma agressão e poderia estar morto a essa hora”, pontuou.

No início do mês, ele foi ao Instagram e disse haver sido agredido em tentativa de assalto. No entanto, a Polícia Civil de Juiz de Fora investigou o caso e apontou que a história contado por Mendes não verdadeira.

Em entrevista à imprensa, a Polícia Civil de Juiz de Fora afirmou que a vítima não foi assaltada, como havia sido cogitado incialmente e sim que o humorista e o agressor teriam se desentendido antes da agressão.

“Nós tivemos acesso a diversas câmeras de segurança que estavam nos locais e conseguimos averiguar que, na verdade, o Gustavo teve uma animosidade com o agressor minutos antes. Logo após o agressor retorna ao local e eles têm uma nova discussão. O agressor, não satisfeito, pega duas pedras e acerta a cabeça no Gustavo. Nesse momento o Gustavo inicia uma perseguição, porque o agressor evade do local”, relata o delegado.

#blinknews #blink102fm #campão #campograndems #radioblink #conteudoblink #blinkmultiplataforma #blinkplataforma360