Pesquisar
Close this search box.

Baixe o App

Neta de Elvis pagará avó para encerrar disputa por herança; entenda

Riley Keough, está há meses em uma disputa judicial com sua avó, Pricilla Presley pela herança do Rei do Rock e o controle de Graceland

A atriz Riley Keough, protagonista da série “Daisy Jones & The Six”,  concordou em fornecer a Priscilla Presley, sua avó e ex-mulher do Rei do Rock, um pagamento fixo como parte de um acordo. A disputa entre avó e neta pela herança de Elvis Presley, começou após a morte da única filha do casal, Lisa Marie, em janeiro.

Segundo informações do “The New York Times”, baseadas em documentos judiciais, Riley Keough concordou em pagar US$ 1 milhão (R$ 4.845.600) a Priscilla e até US$ 400 mil (R$ 1.938.240) para cobrir os honorários advocatícios da avó relacionados à petição que ela apresentou no início deste ano, contestando a validade de um documento de 2016 que a removeu como oficial da entidade da família, o Promenade Trust.

Com o acordo, a atriz se tornará a única administradora desse instrumento financeiro estabelecido por sua mãe, Lisa Marie Presley.

Entre os acordos está também a decisão de manter Priscilla Presley como “conselheira especial” do fundo, pelo qual ela receberia uma quantia anual não revelada por dez anos, ou até sua morte, o que ocorresse primeiro. Os termos ainda precisam ser aprovados por um juiz da Corte Superior de Los Angeles, onde foram arquivados.

Os documentos dizem ainda que em troca da renúncia de Priscilla do Promenade Trust, a estrela de “Daisy Jones” emitiria o pagamento após receber o produto da apólice de seguro de vida de Lisa Marie Presley.

“Ao resolver as reivindicações pendentes na petição de Priscilla, as partes estão economizando honorários advocatícios significativos, evitando litígios e, da mesma forma, evitando o espetáculo de litígios intrafamiliares que contrariam os desejos de Lisa e o interesse da família”, informa o arquivo.

Lisa Marie Presley, Priscilla Presley e Riley Keough na premiere da cinebiografia de Elvis

Entenda o caso:

A briga começou após a morte repentina de Lisa Marie, em janeiro deste ano, aos 54 anos. A filha de Elvis deixou em seu testamento duas apólices de seguro de vida totalizando US$ 35 milhões, além dos direitos da mansão Graceland e uma participação de 15% na Elvis Presley Enterprises, para a filha Riley Keough. O testamento está agora sendo contestado por Priscilla Presleyex-mulher do astro, que quer retomar a administração dos bens.

Priscilla, que foi casada com Elvis Presley de 1967 até se divorciar do cantor em 1973, era originalmente uma administradora, mas foi removida alguns anos antes da morte de Lisa Marie, pois quando estava na função, Priscilla transformou Graceland em uma atração turística e fonte de lucro. Desde então Lisa Marie, filha única do astro passou a ser a curadora e administradora dos espólios de Elvis.

As desavenças começaram ainda em 22 de janeiro, quando foi realizado um memorial para Lisa Marie em Graceland, a mansão que foi o lar de Elvis em Memphis. Ao longo dos últimos anos, a relação entre Lisa Marie e Priscilla já estava abalada devido ao apoio da mãe ao ex-marido de Lisa Marie, Michael Dean Lockwood, quando o casal se divorciou em 2016. Já Riley, filha do primeiro casamento de Lisa Marie, com Danny Keough, tomou as dores da mãe durante a batalha pela custódia das gêmeas.

Quatro dias depois do memorial, os advogados de Priscilla entraram com uma petição que questionava a “autenticidade e validade” de uma emenda feita em 2016 ao fundo do clã, formado pela mansão Graceland e uma participação de 15% na Elvis Presley Enterprises (EPE), que passou a ter Lisa Marie como sua única beneficiária depois da morte de Elvis e de outros membros da família, e agora passa a ser controlado por Riley Keough. Mas Priscilla Presley afirma nunca ter sido avisada pela filha em vida do testamento, e que a emenda de 2016 apresenta, segundo ela, uma ‘assinatura inválida’.

Em uma das batalha dessa guerra, a neta de Elvis Presley, mandou trocar as fechaduras da propriedade, e agora somente ela e Angie Marchese, vice-presidente de arquivos e exposições da propriedade de Elvis em Graceland, em Memphis, têm as chaves da mansão e das portas e arquivos do andar de cima.

Agora se aprovado, o acordo, encerraria meses de disputa legal entre Riley Keough e Priscilla Presley.

#blinknews #blink102fm #campão #campograndems #radioblink #conteudoblink #blinkmultiplataforma #blinkplataforma360