Pesquisar
Close this search box.

Baixe o App

Ossos quebrados? Nunca mais!

Cientistas descobrem como curar ossos quebrados mais rápido e torná-los 3x mais fortes.

Pesquisadores da Universidade Metropolitana de Osaka, no Japão, desenvolveram uma nova técnica para acelerar a recuperação de ossos quebrados, especialmente em casos de fraturas complexas. Esta abordagem inovadora envolve a irradiação de plasma, uma forma de alta tecnologia, que mostrou resultados promissores em roedores. Os testes revelaram que a irradiação de plasma não apenas acelerou a consolidação óssea, mas também fortaleceu as áreas tratadas, tornando-as até 3,5 vezes mais resistentes do que as não irradiadas. Este avanço é especialmente relevante para fraturas difíceis de cicatrizar, que atualmente demandam cirurgias e longos períodos de recuperação.

Ao comparar os efeitos da irradiação de plasma em roedores com fraturas simples e complexas, os pesquisadores observaram resultados mais significativos nos casos de fraturas de difícil cicatrização. Em fraturas complexas, a técnica acelerou consideravelmente o processo de recuperação óssea, oferecendo uma alternativa promissora para pacientes que enfrentam tempos prolongados de imobilização e reabilitação. Os testes realizados em laboratório também mostraram um aumento notável na força das áreas tratadas, indicando o potencial dessa técnica para promover uma recuperação mais rápida e eficaz.

A análise dos resultados obtidos in vitro revelou um aumento significativo na produção de proteínas associadas à progressão do osso, sugerindo que a irradiação de plasma estimula ativamente o processo de cicatrização. O professor Hiromitsu Toyoda, líder da pesquisa, expressou otimismo em relação ao futuro desta abordagem, destacando a possibilidade de combiná-la com os tratamentos convencionais para fraturas. Essa combinação poderia resultar em uma fusão óssea mais confiável e tempos de recuperação mais curtos para pacientes que sofrem de fraturas complexas. Assim, a técnica de irradiação de plasma representa um avanço promissor no campo da medicina regenerativa óssea, oferecendo novas perspectivas para a rápida e eficaz recuperação de ossos quebrados.

À direita um raio-x de um dos roedores que passou pela irradiação de plasma. Foto: Universidade Metropolitana de Osaka.

À direita um raio-x de um dos roedores que passou pela irradiação de plasma. 

Fonte: Só Notícia Boa.